O inicial conceito de paisagem foi produzido e direcionado para a sistematização da ciência geográfica por Humbold, no século XIX, onde, segundo o seu pensamento os elementos naturais estariam todos interligados e por intermédio da paisagem era possível a verificabilidade do conjunto, ademais, ele ressaltava o caráter estético desta. Apesar disso, tal conceito caiu em desuso das discussões geográficas posteriores.[6]

É preciso entender como se dá o processo de percepção da paisagem pelas populações locais e, principalmente, a percepção da água na paisagem. É importante entender como os diversos grupos sociais a percebem e como é a sua relação com os conflitos inseridos no seu espaço. Pois, para se efetuar qualquer estudo geográfico a respeito da percepção da paisagem, visando a implementação de medidas mitigadoras ou de reorganização do espaço urbano e de ocupação territorial, tem-se que entender como é que as pessoas sentem e entendem o lugar em que vivem, se esperam alguma mudança e quais as mudanças que querem que sejam implementadas para melhorar a sua qualidade de vida.
Aliás a primeira etapa a fazer é preparar o solo, nivelando bem o terreno e deixando a terra um pouquinho fofa para que você possa colocar os tapetes de grama sobre ela e permitir que eles possam ficar bem nivelados. Depois de colocado os tapetes de grama a etapa seguinte e você preocupar se com a quantidade de água que a grama vai precisar para crescer. Se for um período chuvoso, provavelmente você nem precisará regar o jardim, pois a própria chuva se encarrega de fazer este trabalho e por sinal ela faz isso muito bem. Mas se estiver plantando grama em um período em poucas chuvas é necessário criar o hábito de regar diariamente a grama para permitir que ela possa enraizar e crescer.

: novas plantas grandes. Quando você insere novas árvores e arbustos no solo no início da primavera ou no outono (nunca no verão, quando o risco de morte é muito alto), deixe a mangueira de água a cair na base de cada novo sistema por 24 horas e repita a cada poucos dias a várias semanas, se a chuva é escassa. Afaste-se se a chuva é abundante, mas estar preparado para fornecer uma hora diferente "gotas" por muito tempo um par de vezes por semana, durante um ano inteiro. A falta de água na fase inicial é a principal causa de morte de árvores recém-plantadas.
. As plantas são mais receptivos à água a esta hora do dia, porque suas células são "abertura" para aceitar o orvalho da manhã através das folhas. (Esta é a razão pela qual a alimentação foliar, quando você pulveriza algo como chá composto diretamente sobre as plantas para alimentá-los, só deve ser feito no início da manhã). As raízes das plantas também são mais receptivos a água na parte da manhã, e usar a umidade é fornecido com a máxima eficiência.

Quando durante a rega, você se preocupa mais com a parte da superfície e não faz com que a água penetre bem no solo, o primeiro grande problema que se cria é o favorecimento do crescimento de ervas daninhas. Outro problema é que a raiz da grama vai crescer menos e mais fraca. Dessa forma, o gramado ficará mais exposto a determinadas doenças e à seca.
A paisagem também pode ser tudo que pode se ver num lance de vista ou o "conjunto de componentes naturais ou não de um espaço externo que pode ser apreendido pelo olhar" (HOUAISS, 2001, p. 2105). A polissemia da paisagem traz consigo muitas definições. Entre estas, para Santos (2002), "a paisagem é o conjunto de formas que, num dado momento, exprimem as heranças que representam as sucessivas reações localizadas entre homem e natureza". Santos, aqui, agrega à paisagem o fator da temporalidade na sua constituição.
A paisagem cultural aborda a associação de características humanas, biológicas e físicas sobre a superfície da Terra (especialmente as que são visualmente perceptíveis), alteradas ou não pela ação humana. Como a paisagem, é considerada a materialização da ação humana no espaço, através da necessidade de adaptação à sobrevivência do homem na natureza, e, atualmente, a sociedade, de alguma maneira, está presente em quase toda a superfície terrestre, podemos dizer que, nessas circunstâncias, não mais existe uma paisagem natural. Haja vista que toda a paisagem, mesmo que aparentemente intocada, já perdeu a sua "naturalidade", pois foi, segundo Santos (2002), coisificada. Mesmo que o homem não tenha nela colocado os seus pés, já lhe foi atribuído algum significado e, portanto, faz parte de uma cultura, até mesmo de uma cultura capitalista, na qual faz parte o "racionalismo econômico" (LEFF, 2006) a tudo dá valor. Assim sendo, mesmo de maneira genérica, poder-se-ia dizer que toda a paisagem é cultural, pois mesmo nos recantos intocados das florestas tropicais há a incidência dos valores sociais atribuídos pelo homem.
Isso varia de planta para planta. Plantas que têm as folhas sensíveis deve-se evitar molhar. Até porque não é necessário molhar as folhas, mas às vezes acaba se tornando inevitável. Manter as folhas secas reduz a possibilidade de algumas doenças. Por isso, sempre que possível e for regar o seu jardim, coloque a água próxima a base da planta, ou no pratinho dos vasos, mas sem deixar água parada.
O que fazer diante deste círculo vicioso? Nossa postura mais comum é a omissão. Apenas uma minoria pôde compreender que a ética, entendida na acepção aristotélica e trazida a nós de modo brilhante por Lima Vaz, é um olhar sobre o cuidado com a nossa morada. E esta tem duas dimensões, a interior, que nos molda a capacidade de pensar para todos, e a exterior, que harmoniza a convivência fraterna e possibilita a sobrevivência com qualidade e dignidade.
Dia após 3-4 depois de regar, dependendo do tempo, você precisa novamente soltar o chão nos círculos de quase-tronco, porque depois de uma rega tão forte, quase sempre na superfície da terra uma crosta é formada. Na primeira rega, quando o ovário está apenas começando a aumentar, um grande benefício virá se for derramado por um verbasco líquido. Pela primeira vez, para comparação, você pode selecionar várias árvores e água primeiro com água limpa, e então nos poços feitos com uma cola afiada, uma solução de Mullein, baldes de um ano e meio por árvore adulta. E no outono, e compare a colheita em verbasco e árvores não polidas.
E regar o jardim deve ser habilmente. Um vai derramar o jardim 3-4 vezes por verão, eo outro apenas 1-2 vezes, mas ele terá mais sentido. As árvores precisam mais de umidade quando o ovário começa a crescer e quando as frutas se tornam quase reais. Aqui neste momento e você precisa de água. Antes de regar, os círculos próximos do tambor se soltam, para que a água não role em vão, mas vá para as profundezas. E se eles decidiram regar o jardim, então para cada árvore adulta é necessário despejar pelo menos 15 a 20 baldes para absorver completamente o solo.Se você regar um pouco, isso estraga as árvores.
Regar sempre que for necessário. Regra geral, um jardim ou relva necessita de cerca de 2.5cm de água por semana, no entanto, isso também depende muito do solo em questão, do tipo de plantas que tem e, naturalmente, das condições meteorológicas. Por isso, a máxima “regar sempre que for necessário” aplica-se principalmente quando uma planta ou flor apresentar, de manhã e/ou à noite, um aspeto murcho; mas também na fase inicial de desenvolvimento e crescimento das plantas.
O solo de relva ervas não deve ser muito fácil e ter uma espessura de 20 a 50 centímetros. Muito pesado o solo precisa fazer a turfa e areia. Antes da sementeira de ervas, ela precisa fluffing. Se o solo com fertilizantes, o gramado será o mais luxuoso. Alimentados gazonnyu verdes minerais fertilizantes, composto de potássio, o fósforo e o nitrogênio.

Basicamente, este método de irrigação é usado em estufas, estufas e encostas. A irrigação do solo é a mais cara entre todas as espécies representadas em termos de recursos monetários, trabalhistas e de tempo. Atividades de irrigação para gramados garantem sua atratividade e existência normal. Se você não tem o suficiente para essa quantidade de tempo livre, é melhor instalar um sistema de irrigação automática. Além do seu tempo, economiza recursos hídricos e proporciona melhor hidratação do solo. Mas o método manual de irrigação é conhecido por ser menos dispendioso. Embora às vezes salvar não seja apropriado.
Uma área de floresta com rios, cachoeiras e animais silvestres constitui um exemplo de paisagem natural. Já a área de uma cidade ou um campo de cultivo agrícola são exemplos de paisagens culturais. Em muitos casos, é possível observar cenários em que os dois tipos se apresentam conjuntamente, o que representa, ao menos em tese, um equilíbrio entre natureza e sociedade.
×